HOME ATENDIMENTO PUBLICAÇÕES OUTROS MÍDIA ARQUIVOS CONSULTÓRIO citações LINKS FOTOS CONTATO

 

...a utilização dos testes psicológicos é permitida, por lei, somente a psicólogos, pois requer conhecimentos e
habilidades pertinentes à formação destes profissionais. Desse modo, o Conselho Federal de Psicologia alerta a sociedade para os riscos decorrentes do emprego desses instrumentos por profissionais que não estejam habilitados e credenciados para esse fim. Por outro lado, conclama a população a comunicar aos Conselhos Regionais de Psicologia quaisquer irregularidades ocorridas por ocasião do uso dos testes psicológicos.

 

PSICODIAGNÓSTICO

O que é?

     É o diagnóstico psicológico. Realizado utilizando metodologia específica após solicitação ao psicólogo, com objetivo de clarificar alguma dúvida ou dificuldade no tratamento de um paciente. Ele é realizado utilizando entrevistas (inicial, anamnese, etc) e aplicação de testes psicológicos para confirmar ou descartar hipóteses levantadas durante as entrevistas.

*Os testes utilizados no Psicodiagnóstico são de uso exclusivo do Psicólogo, por exemplo, o psicodiagnóstico de Rorschach.

 

Em quais situações alguém é encaminhado para o psicodiagnóstico?

  • Dificuldades em chegar a um diagnóstico médico.

  • Todos os tratamentos medicamentosos falharam.

  • Quando nada explique um determinado comportamento que afete negativamente o indivíduo.

  • Por razões éticas, ninguém poderá ser encaminhado por curiosidade em saber seu nível de inteligência ou QI, por exemplo.

Processo psicodiagnóstico.

     Na 1ª sessão é analisada a história de vida do indivíduo e suas relações com seu mundo. Se não ocorrer mais dúvidas, na 2ª sessão é feita a anamnese e na 3ª inicia-se a aplicação de testes. Todo o processo dura em média 10 sessões. O psicólogo deverá comunicar o resultado para seu cliente via entrevista devolutiva.

MAPA DO SITE

                          HOME